Animais: uma alegoria para vida

Tudo na vida é direcionada por jogos de poder. TUDO.

E um dos jogos de poder se reflete nos seus bichanos. Há várias condições para se decidir ter um, então considerando que você não foi uma bichinha emotiva que pegou um animal na rua impulsivamente mesmo trabalhando o dia inteiro e chegando em casa meia-noite fazendo com que o animal morra de fome e 
desenvolva problemas psicológicos como depressão, vamos em frente.

Muitas pessoas têm medo de certas raças (alguém ouviu Pitbull?) devido ao fato do alto índice de ataques relacionados a mesma. O que a maioria não se pergunta é: por que?

Há diversos fatores, mas o principal é: dominância. Normalmente quem acaba cuidando dos bichos são mulheres e, bem, mulheres não foram feitas para este negócio. Elas mimam os filhotes e quando os mesmos chegam na idade adulta, a merda está feita. Arranham móveis, mijam pela casa, dormem na cama dos donos ou ameaça morder quando contrariado, ou seja, os filhos da puta acham que são os DONOS do negócio. Com toda razão.

As pessoas, seja para lidar com outras, seja para lidar com bichos, possuem um estranho conceito de evitar conflitos, por mais que isso signifique que elas tomem no cu. Isso é burrice. Se o cão fez algo de errado, nada de brigar com voz mansa, alisando a cabeça dele e depois dar um biscoito: olhe com cara feia, solte o tom mais grave que tiver na sua garganta e mande um sonoro “NÃO”. Não fique também conversando e dando bronca com a porra do animal, ele não te 
entende, é perda de tempo.

Ou seja, resumindo a história: sempre sobra pro homem transformar o cão no seu melhor amigo. Ele quer um DONO, ele quer um cara filho da puta de macho, viril, que possa fornecer a ele toda segurança que ele precisa neste vasto mundo filho da puta. Se ele ver que você é um bosta, vai tomar tudo de você: sua casa, sua paz, sua cerveja e, segundo relatos, ATÉ SUA MULHER se você for paspalho nível master.

Se seu cachorro já está ferrando com sua vida, comece a mudar suas atitudes desde já e PARE DE SE CAGAR PARA A PORRA DO CACHORRO QUANDO ELE ROSNAR, estufe a porra do peito, dê a ordem e deixe o pé preparado: se ele avançar, mostre a ele quem é o alfa do território.
O cão é o MELHOR AMIGO DO HOMEM, mas o MAIOR INIMIGO dos maricas. Se você for um, estraçalhar você será um serviço à humanidade. Então cresça suas bolas e domine o bicho que ele vai entender sua rigidez e será fiel ao seu lado.

Também é importante frisar de não gritar com o cachorro ou ficar dando ataque histérico, nem usar da violência (uma coisa é medida corretiva, outra coisa é espancar o cachorro) para não criar um cachorro desconfiado e medroso – este é ainda pior que um dominante, PORQUE É TOTALMENTE DESEQUILIBRADO, PODENDO TE ATACAR A QUALQUER MOMENTO.

Como vocês podem ver, esse negócio de criar cão é coisa para homem. Mulheres nunca conseguem com a mesma efetividade, tirando as adestradoras que JÁ SABEM DISSO E COMO AS FEMINAZIS, TENTAM IMITAR OS COMPORTAMENTOS MASCULINOS DE DOMINAÇÃO DE TERRITÓRIO E IMPOSIÇÃO MORAL.
Não vicie o seu cachorro com petiscos quando ele fizer algo certo, o reforço positivo dele deve ser seu sorriso, seu afago, você não quer criar um animal mercenário e abusado, não é mesmo?

Tudo na vida é lutar por dominância e aquele que não o faz, é suprimido do processo. Se você não controlar seu cachorro, ele controlará você. Se você não controlar sua fêmea, ela controlará você. Tenha punho de ferro e nervos de aço, mantendo sua existência nesta Terra com honra, porque você tem que merecer o pior ou ser subjulgado?

Levante sua cabeça e crie seu animal de modo a tornar seu fiel escudeiro e, tenha certeza, que esta lição seguirá por toda sua vida, em todos os âmbitos.

http://www.doguebrasileiro.com.br/content/view/44/2/ <- Texto de gente que entende, não sou adestrador.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s