Acerca dos homens com mãos de ferro e nervos de aço

Às vezes não há tempo para dúvidas.
São nestes momentos que conhecemos quem são as pessoas, as melhores para estar ao lado para crescer, seja em caráter, seja em competência.
São os momentos onde devemos, sem muito tempo para divagar, escolher um lado e apostar. E a coragem para arriscar onde, mesmo para o orgulho pessoal, o preço é muito.
Nestes momentos sublimes é que sentimos o furor da vida para aqueles que não aceitam a indefinição natural da existência, que vez ou outra surge em nosso âmago querendo nos fazer titubear, parar e simplesmente lamuriar. É extremamente necessário seguir em frente, por mais que tenhamos que pegar desvios, atravessar obstáculos, nos machucar em muros chapiscados e caminhos íngremes. Porque nada vem de graça.

Admiramos a inteligência, mas dói alcançá-la. É por isso que toda pessoa naturalmente esforçada causa tanto amor e ódio ao mesmo tempo – e é necessário conviver com isso, mas, sempre seguindo em frente. Afinal, se uma pessoa não tem a coragem de ter fé em si mesma para apostar na hora que não há tempo, quem terá? A vida é um grande mercado especulativo onde o maior apostador somos nós.

Passamos a vida inteira esperando o grande jogo, quando poucos notam que é necessário, para o ‘big deal’, dar ‘all-in’ e arriscar. Não sem estratégia, não sem cálculo: quem é desafiado e não se permite parar em lamentações sempre está preparado. Acorda pela manhã preparado, almoça preparado, dorme preparado: as dificuldades são o que lhe amarga o café, mas intensificam a consciência. Quem falta preparação, normalmente sempre procura tempo para dúvidas – mesmo quando não pode haver nenhum dos dois, nem tempo, nem dúvidas, onde a realidade vai chegar batendo, não na porta, mas na cara. E aí, vem a lamúria.
Mas não, os fortes de espírito mesmo perdendo o all-in se preparam em dobro, já que a derrota lhes significa falta de preparo de alguma sorte – sem problemas para eles, afinal, a vida é adaptação. Pegam os trapos, jogam fora e começam novamente. Maioria dos homens se esquecem que, da hora que acordam a hora que dormem, a vida é uma batalha. Se resvalam do estresse, dão pitis, fingem-se de ocupados. As pessoas podem até cair, mas a vida não aceita teatros – estes estão fadados.
E no meio de toda esta lama desafiadora, surgem lótus esplendorosas feitas de sangue, suor e lágrimas. Que não acreditam em futuro sem presente, não esperam o horóscopo, uma ajuda, um salvador e nem pedem menos dor – que venha, dizem eles.

E depois de dias, meses, anos de combate, encontrar alguns destes guerreiros do séc. XXI é formidável. Se reconhecem pela postura, pelo olhar, por uma troca de palavras. Às vezes, por ver o outro com a mão na massa. No meio do deserto de incompetentes, idiotas de fala macia, preguiçosos, enroladores e bajuladores, encontrar tais homens é um sinal que, mesmo que tudo esteja perdido, fod@-se, sempre haverá espaço para eles, para nós.

Para os homens que agem quando não há tempo para dúvidas, onde não há tempo para mais nada além de uma coisa:

UM ATO DE CORAGEM.

Rir é arriscar-se
a parecer doido…

Chorar é arriscar-se
a parecer sentimental.

Estender a mão é arriscar-se
a se comprometer.

Mostrar os seus sentimentos
é arriscar-se a se expor.

Dar a conhecer as suas idéias, os seus sonhos, é arriscar-se a ser rejeitado.

Amar é arriscar-se a não ser retribuído no amor.

Viver é arriscar-se a morrer.

Esperar é arriscar-se a se desesperar.
Tentar é arriscar-se a falhar…

Mas devemos nos arriscar!

O maior perigo na vida está
em não arriscar.

Aquele que não arrisca nada…

Não faz nada…
Não tem nada…

    Viver é arriscar-se
Rudyard Kipling
Anúncios

2 pensamentos sobre “Acerca dos homens com mãos de ferro e nervos de aço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s