Da série: Promessa é dívida

Algumas questões que acabei respondendo:

– Por que o Hiato?
– Real?
– O que pensa do MGTOW?
– O que acha da situação atual do país?
– Por que diminuiu as postagens religiosas/tinham foco na religião?
– Patologias/Disfunções anteriormente perguntas no Ask/Blog
– Treinos
– Pensamento livre para finalizar.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Da série: Promessa é dívida

  1. Eu já estava pensando em iniciar um ”hiato” em minha vida e com esse vídeo concluí que realmente devo executar isto. Frequento os fóruns, mas, basicamente não me sinto muito bem com essa ”fase” realista em que eu engajei. Sou novo e vejo que tem muito cara de valor ali, ideias boas que são discutidas – mas também há muitos juvenas, etc. Posto isso, redefini minhas senhas de modo que eu não as lembre e de fato meio que eu possa sumir, se assim posso dizer.

    Creio que a Real em si antigamente já teve seu auge. Agora são novos membros, são caras mais novos assim como eu que estão chegando nesses redutos – e assim, fazendo seu nível de discussão cair.

    Sendo incisivo; caras novos que não viveram nada ainda e que querem ficar discutindo com homens que já são vividos, já tem seus trabalhos, etc. Por isso, hoje, tomei a decisão de iniciar um hiato também.

    No mais, seu vídeo respondeu minhas dúvidas atuais e a minha vida atual em si.

    Dar tempo ao tempo é a melhor forma de sobre(viver).

    Focar no desenvolvimento é o pilar do homem.

    Abs.

    • Que bom que serviu para alguém.

      A Real, bem como tudo no Universo, tem seus altos e baixos, nada é novo debaixo do céu. Considero que foi um erro grave ter redefinido as senhas de modo que não se lembre, pois é um claro sinal de descontrole, você deve tomar rédeas da sua vida, não temer nada e a ninguém e controlar-se! Um alcoolatra que foge da visão de uma bebida é somente um fraco definhando até a exata hora que o Universo desafiar sua fraqueza, mas um homem que lida com seus impulsos, este sim, construirá dentro de si ao longo dos anos a paz que muitos almejam.

      A vontade de sumir também é grande, mas não renda-se: eu mesmo dei meu tempo, mas não esqueci daqui, não esqueci de ninguém. Deve-se controlar o desejo e o desejo de nada desejar, é muito importante isto. Você pode simplesmente estar descontando sua desolação, angústia, tristeza ou ansiedade no mundo, onde mudar de ares até vai fazer-te bem temporariamente, mas é importante não viciar na tentação de largar tudo a qualquer momento – precisa de planejamento, direção, um forte propósito e um olhar terno planejando voltar a algum lugar que deixou para que refaça suas convicções e celebre sua caminhada. Impossível saber quão longe andou e o quanto evoluiu sem voltar, a volta, o regresso, eis o difícil, que trucida nossa calma realizada da fuga e mexe com nossas paixões e orgulho mais profundos.

      Este ciclo que descreveste todos os homens e instituições irão passar (novos perante velhos), é um ciclo de renovação que a própria natureza se dá conta, criação e destruição são coisas totalmente naturais e convém você – mesmo novato – aceitar isto. Talvez haja um desapontamento, mas todos nós nos desapontamos: se procuras um guia, controla seu coração e aceita teu destino: és mais perdido que qualquer ser pois tens a dádiva do pensamento e só. O caos sempre estará dentro de ti e ninguém pode acalentá-lo de forma indefinida – se acalmará aqui ou acolá mas logo a vida faz o favor de trazer novas tempestados e turbulências no Caminho, eis a beleza.

      Vejo que você está um pouco conturbado apesar do laconismo do comentário, mas espero que as pistas que deixei aqui te façam evitar mais passos ermos e encontrar o Caminho que procura.

      Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s